Shopping na Câmara: coerência

Não estou entendendo tanta má-vontade com a decisão da Câmara, na votação de ontem, aprovar a construção de um shopping. Pelo menos duas hipóteses podem justificar e mostrar a coerência da decisão:

1- Sendo a Câmara uma casa legislativa com alguns deputados rotineiramente envolvidos em negociatas, nada mais normal do que construir um shopping.

2- Vender e negociar no prédio da própria Câmara pega mal e denigre a imagem dessa casa legislativa. Criar um lugar específico, um shopping, para realizar as costumeiras negociatas, vendas, barganhas e transações é coerente e vai permitir que as atuais instalações da Câmara sejam usadas somente para fazer leis. As negociatas seriam desviadas e concentradas no novo shopping. Bem coerente, não acham?

Um comentário em “Shopping na Câmara: coerência

  1. Meu Deus!
    Onde é que iremos parar, e ou como vamos parar estes deputados, pois estamos sendo massacrados por quem na verdade deveriam legislar em prol do povo!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s