Impeachment do Papa Francisco, por Gregório Duvivier

É notória a fixação patológica do Aécio Neves pelo cargo de presidente. Insiste em provocar o impedimento da Presidente Dilma e assumir seu lugar.

Trata-se de assunto sério e grave. Tal ofensa aos princípios democráticos básicos deveria ser tratada com profunda preocupação pela sociedade.

Alguns golpistas são merecedores de tratamento em hospital psiquiátrico: vêm fantasmas onde não tem e fantasiam uma realidade que não existe. Já vi nas redes sociais o “tarja-preta” principal desse processo de impedimento vestido em uniforme completo de Napoleão. A fantasia lhe caiu bem.

A forma irônica e debochada do Gregório Duvivier abordar o assunto talvez seja a melhor. Ninguém aguenta mais a ladainha diária dos operadores do golpe.

Querem transformar o Brasil em república bananeira e copiar o modelo golpista utilizado no Paraguai. Nossa democracia está, ainda, em processo de construção. Ela é nova e acabou de brotar.

Começaram a questionar o resultado das eleições no momento em que, perplexos, perceberam que haviam sido derrotados por 54 milhões de votos. Protocolaram uma ridícula recontagem de votos.

Tentaram impedir a diplomação da candidata vitoriosa e a sua posse.

Tentaram envolvê-la nas apurações da Polícia Federal.

Encomendaram pareceres de advogados amigos.

Acionam, diariamente, seus apoiadores nas emissoras de TV, nas estações de rádios e nos jornais.

Têm um exército de desmiolados que lhes apoia e alimentam o discurso do ódio e do golpe nas redes sociais.

Entraram com pedido de impedimento no Congresso e no TSE.

Boicotam o povo brasileiro e o Governo Federal nas votações na Câmara.

Paralisam o país com boatos e notícias catastróficas.

Criam situação de instabilidade política, que gerará a tão sonhada  instabilidade econômica. Para eles, quanto pior, melhor.

Não se importam se muitos chefes de família perderão seus empregos e seus dependentes sofrerão as consequências. Querem a presidência para já.

Outros, mais maquiavélicos, querem somente afundar o país e inviabilizar eventual vitória do ex-presidente Lula em 2018. Topam esperar um pouco, para completarem o processo de destruição dos adversários.

Clique no link abaixo e assista a fina ironia do Duvivier.

Paulo Martins

https://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=Mf0iULpV8xw

Em tempo: se o Papa Francisco cair, o Aécio assume?

2 Respostas para “Impeachment do Papa Francisco, por Gregório Duvivier

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s