Rio de Janeiro: se ligue

Que São Paulo terra da garoa e da coxinhice militante escolha Alckmin, um Opus Dei, e João Agripino Dória, um coxinha típico, a sua mais completa tradução, não causa espanto.

O que espanta é o Rio de Janeiro, purgatório da beleza e do caos, eleger Bispo Crivela, da Igreja Universal do Reino de Deus. Não pelos fiéis seguidores, mas pelo que Crivela  e o Bispo Macedo representaram na construção e na ampliação do poder deste império de empresas cujo principal negócio é a mercantilização da fé.

Não sou sociólogo, nem cientista político para tentar uma teoria que dê conta de explicar este fenômeno. Logo no Rio de Janeiro, dos descolados, dos cariocas espertos do jeitinho, escorregadios, malandros.

Tenho a impressão que os governos paralelos que desgovernam esta cidade não estão nem aí para quem vai assumir a Prefeitura do Rio. Uns por total descrença no poder público, outros por cinismo, muitos por puro egoísmo: acham que não dependem do poder público para nada. E não se importam que muita gente precise.

Na letra de Rio 40 Graus algumas pistas do que acontece nesta cidade:

“O Rio é uma cidade
De cidades misturadas
O Rio é uma cidade
De cidades camufladas
Com governos misturados
Camuflados, paralelos
Sorrateiros
Ocultando comandos…”

Tendo em vista sua baixíssima representatividade o governo Crivela tende a ser um governo camuflado, paralelo, que não será capaz de dar conta dos muitos Rios que existem dentro deste Rio, capital do sangue quente.

Ouça Fernanda Abreu, leia a letra da música e imagine se fundamentalistas religiosos darão conta de administrar esta cidade-caleidoscópio, purgatório do caos.

Caóticos, loucos, artistas, vagabundos culturais, descolados, desplugados, desligados, preparem-se para apertar os cintos. Tá ligado?

Paulo Martins

Rio Quarenta Graus

Rio 40 Graus..(2x)

Rio 40 graus
Cidade maravilha
Purgatório da beleza
E do caos…(2x)

Capital do sangue quente
Do Brasil
Capital do sangue quente
Do melhor e do pior
Do Brasil…(2x)

Cidade sangue quente
Maravilha mutante…

O Rio é uma cidade
De cidades misturadas
O Rio é uma cidade
De cidades camufladas
Com governos misturados
Camuflados, paralelos
Sorrateiros
Ocultando comandos…

Comando de comando
Submundo oficial
Comando de comando
Submundo bandidaço
Comando de comando
Submundo classe média
Comando de comando
Submundo camelô
Comando de comando
Submáfia manicure
Comando de comando
Submáfia de boate
Comando de comando
Submundo de madame
Comando de comando
Submundo da TV
Submundo deputado
Submáfia aposentado
Submundo de papai
Submáfia da mamãe
Submundo da vovó
Submáfia criancinha
Submundo dos filhinhos…

Na cidade sangue quente
Na cidade maravilha mutante…

Rio 40 graus
Cidade maravilha
Purgatório da beleza
E do caos…(2x)

Rio 40 graus
Purgatório da beleza
E do caos…

Eh! Rio 40 graus…

Quem é dono desse bêco?
Quem é dono dessa rua?
De quem é esse edifício?
De quem é esse lugar?…(2x)

É meu esse lugar
Sou carioca
Pô!
(Sou carioca!)
Eu quero meu crachá
Sou carioca
Pô!…

“Canil veterinário
É assaltado liberando
Cachorrada doentia
Atropelando!
Na xuxa das esquinas
De macumba violenta
Escopeta de sainha plissada
Na xuxa das esquinas
De macumba gigantescas
Escopêta de shortinho algodão”…

Cachorrada doentia do Joá, eh!
Cachorrada doentia São Cristóvão
É Cachorrada doentia Bonsucesso
Cachorrada doentia Madureira
É Cachorrada doentia da Rocinha
É Cachorrada doentia do Estácio…

Na cidade sangue quente
Na cidade maravilha mutante…

Rio!…

Rio 40 graus
Cidade maravilha
Purgatório da beleza
E do caos…(2x)

Rio 40 graus
Purgatório da beleza
E do caos…

A novidade cultural
Da garotada
Favelada, suburbana
Classe média marginal
É informática metralha
Sub-uzi equipadinha
Com cartucho musical
De batucada digital…

Gatinho de disket
Marcação pagode, funk
De gatinho marcação
Do samba-lance
Com batuque digital
Na sub-uzi musical
De batucada digital
Eh!…

Meio batuque inovação
De marcação prá pagodeira
Curtição de falação
De batucada
Com cartucho sub-uzi
De batuque digital
Metralhadora musical…

De marcação invocação
Prá gritaria
De torcida da galera
Funk!
De marcação invocação
Prá gritaria
De torcida da galera
Samba!
De marcação invocação
Prá gritaria
De torcida da galera
Tiroteio!
De gatilho digital
De sub-uzi equipadinha
Com cartucho musical
De contrabando militar
Da novidade cultural
Da garotada
Favelada suburbana
De shortinho, de chinelo
Sem camisa, carregando
Sub-uzi equipadinha
Com cartucho musical
De batucada digital
Ulalá!…

Na cidade sangue quente
Na cidade maravilha mutante
Huuuummm!…

Rio 40 graus
Cidade maravilha
Purgatório da beleza
E do caos…(2x)

Rio 40 graus
Purgatório da beleza
E do caos…

Capital do sangue quente
Do Brasil
Capital do sangue quente
Do melhor e do pior
Do Brasil…

(O Rio de Janeiro!)
(O Rio De Janeiro!)
(Soy Loco Por Ti!)…

Rio 40 graus
Cidade maravilha
Purgatório da beleza
E do caos…(2x)

Rio 40 graus
Purgatório da beleza
E do caos…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s